Agora de repente,...

... e não perguntem porquê, lembrei-me de um serviço telefónico que existia quando eu era pequeno e que, sim, era verdadeiro serviço público..

Ligava-se um número, não me lembro qual, e do outro lado da linha uma senhora dizia, num conveniente tom nasalado:

"Ao segundo sinal serão: dezasseis horas, cinquenta minutos e zero segundos. Piiiiii. Piiiiii."

23 Comments:

  1. Vanita said...
    Se não estou em erro... era o 151 ;)
    Alf said...
    Devia ser, porque acabo de confirmar que ainda existe, sob a forma de 12151. Custa é 0,2047 € + IVA. O que quer dizer quase 50 paus para saber as horas certas...
    Teresa said...
    Era o 15. Trust me.

    Vantagens de ser jurássica... :)
    blackstar said...
    E não existe ainda?! E um sistema qualquer de despertar?!
    Joanissima said...
    Tanta viagem a Londres para comprar caril e não sabes, simplesmente, como as pessoas normais, levar os relógios todos (quiça compradinhos na feira de espinho, mas enfim, cala-te boca!!) olhar para o Big Ben e acertar os ditos???

    E já agora, porque é que te lembraste disto? (sim, sim, disseste para a malta não perguntar mas eu pergunto na mesma)

    Outra coisa: O teu pc não tem relógio?!? tens um telemovel que praticamente te tira o café, te acerta as horas para o horário de Inverno, e depois tens que gastar zero ponto vinte e tal centimos para saber as horas??

    Tá mal...
    mafalda said...
    eu lembro-me disso! era o meu divertimento antes de a minha mãe pôr aloquete no telefone de lá de casa! =)
    Alf said...
    Nota-se muito que a Mafalda é do norte?
    Ervi Mendel said...
    A Teresa tem toda a razão, era mesmo o 15!!!

    Um aloquete é um cadeado? lol
    Alf said...
    O Ervi é mouro e jurássico!
    The girl in the bubble said...
    hehe aloquete é cadeado e pimbolim é matraquilho! assim como a mafalda, tb m divertia a ligar pó 151.. ( tenho ideia k era 151..)kiss`*
    Inês said...
    Eu lembro-me disso! e também tenho ideia que tinha e dígitos assim como o 118 ou 116 para as informações que não eram uma máquina mas sim uma pessoa que percebia sempre o que dizíamos...
    Fatima said...
    Pois era......
    E havia as linhas cruzadas...
    Rita said...
    lembro-me disso como se fosse hoje : )
    Cor do Sol said...
    Eu tbm ligava. Eh pah...antigamente é que era :) nada pa fazer, ligar pa saber as horas certas. Qualquer coisa de extremamente essencial. :P
    Formiguinha said...
    Era tão fixe ligar "para as horas"!

    Bêjos
    Cat said...
    Era definitivamente o 15...e nessa altura havia o vasco granja e as minhas calças de bombazine tinham joelheiras de couro. E o benfica costumava ganhar....
    Patrícia said...
    eu, acho que isso ainda existe...
    mafalda said...
    hum... o que é que eu disse para ser assim tão evidente?
    mafalda said...
    hum... porque digo aloquete em vez de cadeado? fino em vez de imperial? cimbalino em vez de bica? cruzeta em vez de cabide? =P
    sendyourlove said...
    Esperteza saloia seria ligar de um telemóvel...
    sendyourlove said...
    Esperteza saloia seria ligar de um telemóvel...
    Pretazeta said...
    Secalhar não sou do tempo (hiih


    Acho que nunca liguei...mas isso servia exactamente para quê?

    Não tinham pc´s, telemóveis, sicnoticias, rtpnoticias, teletexto??!!

    Pois...outros tempos :))
    Girstie said...
    O número não sei mas recordo-me do serviço. E agora temos de pagar por isso. Ai ai, bons tempos.

Post a Comment



Mensagem mais recente Mensagem antiga Página inicial

Blogger Template by Blogcrowds