Definitivamente...

... odeio a moda ecológica de ter que pagar pelos sacos de plástico nos supermercados.

Hoje, para poupar 2 cêntimos e já que tinha o carro à porta, decidi prescindir da compra do saco. Que, note-se, eu até reutilizo para o lixo.

Seja como fôr, prescindi do saco.

Pago a meia dúzia de coisas que trazia, entre as quais uma embalagem com duas lâmpadas - economizadoras, por sinal.

Pagas as compras, abraço-as carinhosamente à falta de saco.

Esperto (escusam de discordar, por favor), resolvo ir à máquina do tabaco. Abraçado às compras.

Ao tirar os trocos do bolso adivinhem lá o que é que se desprende do abraço ao património recém-adquirido? Certo. As lâmpadas. Que de imediato se desfazem em fanicos...

Em portuense polido: raispartam os sacos pagos...

7 Comments:

  1. Ka said...
    Mas quem te manda comprar tabaco no fim das compras?!?!?! :P

    E há uns saquitos mais resistentes (que não são ecológicos que nos tentam vender a 1 euro) que levam mais compras e são reutilizaveis...
    sendyourlove said...
    ...quer fazer o bem às vezes faz-nos mal :S

    Ficou um desafio para ti no meu canto... se não o quiseres abraçar não dá anos de azar...
    francisco said...
    faz-me lembrar os saquinhos do Gato Fedorento: http://www.youtube.com/watch?v=Nmu3jZFCmug (a partir dos 2 minutos de vídeo)...
    JS said...
    Vê-se mesmo que não bebe sumol...
    Girstie said...
    Nuns pagam-se os sacos, noutros até por um pacote de chiclas te dão um.

    E olha, se comprares lâmpadas, não compres tabaco.
    Fatima said...
    A culpa não foi do saco, foi do tabaco.
    Malvado vício....!!!!!
    :)
    Eyes wide open said...
    Confesso que me rendi às maravilhas dos Reisenthel Bags... detesto sacos de plástico. Uma verdadeira praga, é o que são.


    *

Post a Comment



Mensagem mais recente Mensagem antiga Página inicial

Blogger Template by Blogcrowds