Ser o melhor tem inconvenientes...


Um dos maiores é não encontrar nos árbitros receptividade à criatividade.

Pelo contrário, os colegas de equipa e até mesmo os adversários parecem ser colaboradores incansáveis. Como a foto amplamente demonstra - atente-se na coreografia tão bem preparada pelas três coristas à direita.

Marcar golos de cabeça é coisa de meninas. Saltar mais alto que toda a gente e, apesar disso, agarrar a bola com as mãos é de número 1. Sobretudo quando já se tem um cartão amarelo.

2 Comments:

  1. M. said...
    Tanta inteligência numa só pessoa até arrepia...
    Fernanda said...
    Ele quer ser o melhor do mundo também no volleyball - grande manchete. Ninguém compreende o piqueno!

Post a Comment



Mensagem mais recente Mensagem antiga Página inicial

Blogger Template by Blogcrowds